Art Blakey

Publicado: 11/05/2007 em Art Blakey, Bateristas, Jazz

Art BlakeyArt Blakey é um dos maiores bateristas do jazz. Juntamente com Big Sid Catlett, Kenny Clarke e Max Roach, forma o quarteto dos pais da bateria contemporânea. Blakey pontificou basicamente em dois estilos: o Bepop e principalmente o Hard Bop (do qual é um dos artífices), mas também se interessou por outras formas de percussão étnica que alargaram os horizontes do jazz. Além de tocar com Miles Davis e Thelonious Monk, Blakey foi também fundador, líder e catalisador de um grupo bastante influente, que ao longo de décadas teve diversas formações: os Jazz Messengers. Os Jazz Messengers podem ser considerados uma verdadeira academia de jazz: por ali passaram nomes do quilate de Horace Silver, Lee Morgan, Wayne Shorter, Freddie Hubbard e Wynton Marsalis, entre outros.

O drumming de Art Blakey é poderoso, vital, sempre carregado de energia. Seus solos freqüentemente possuem um caráter espetacular, explosivo. Blakey era de fato um mensageiro do jazz: tudo fazia para promover a prática do jazz e percorreu o mundo em incontáveis turnês. Visivelmente se divertia e se realizava na música: colocava-se de corpo e alma na música que estava tocando. Também é importante ressaltar que ele era um baterista incomparável como acompanhante: por exemplo, a sua colaboração com Thelonious Monk é notável pelo entrosamento que consegue estabelecer com um dos pianistas mais notoriamente difíceis de se acompanhar.

The Jazz Messengers – Mx’B,C

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s